O Talibã está pedindo ajuda da comunidade internacional

Um porta-voz do Taleban na cidade de Kunduz, no norte do Afeganistão, pediu à comunidade internacional que aumentasse a ajuda ao país. Ele disse que o Taleban “acolheria calorosamente” a ajuda, antes de enfatizar que os governantes muçulmanos do país não são terroristas.

O porta-voz Mutiullah Rouhani disse que a ajuda pode assumir a forma de investimentos ou projetos de reconstrução “ou qualquer tipo de ajuda humanitária ao governo ou aos cidadãos afegãos”. Ele acrescentou que o Taleban “acolheria muito bem a assistência”.

O Talibã capturou Kunduz no mês passado. Seguiu-se um rápido avanço e o movimento finalmente assumiu o controle de todo o país. As últimas tropas americanas deixaram o Afeganistão no final de agosto, encerrando uma missão militar de quase duas décadas.

direitos humanos

Rouhani criticou a comunidade internacional por apoiar o que ele acredita ser o “governo corrupto” no Afeganistão que governou nas últimas duas décadas. “O Taleban trouxe paz ao Afeganistão”, disse ele.

Governos de todo o mundo estão considerando a melhor forma de lidar com os novos governantes do Afeganistão. O Taleban tem um histórico ruim de direitos humanos, o que lança dúvidas sobre os doadores. Desde a aquisição, o país voltou a denunciar o banimento de mulheres e meninas da vida pública e das escolas.

READ  Um dia após a cúpula do clima, o presidente cancelou um quarto do orçamento ambiental do Brasil no exterior

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

guiadigital.info