O DAP foi anunciado no dia 11 de março com um novo vôo do Brasil para Portugal

Postado por DPN / Lusa, Notícias, Turismo, Govit-19, Mundo, EUA · 04-03-2021 17:48:00 0 Comentários

O DAP foi anunciado no dia 11 de março com um novo vôo do Brasil para Portugal

A embaixada de Portugal em Brasília anunciou que um novo voo entre São Paulo e Lisboa terá lugar no dia 11 de março “em condições totalmente semelhantes” ao voo de regresso de 27 de fevereiro.

A DAP Air Portugal, agência responsável pela comunicação com os passageiros afectados pelo surto de Covit-19, “Portugueses ou estrangeiros residentes em Portugal afectados pela paralisação de voos” e a Embaixada de Portugal no Brasil, manifestaram a necessidade de um regresso imediato ao fronteira nacional.

Numa mensagem publicada na rede social Facebook, a embaixada de Portugal em Brasília disse que o contacto com os cidadãos que pretendam embarcar num voo será efectuado por telefone preferencial, utilizando dados previamente fornecidos às embaixadas, para contactar directamente a TAP “não foi feita nenhuma tentativa “

Em declarações à Lusa, André Serba Soares, do Gabinete de Comunicações e Relações Públicas da DAP, esclareceu que a aeronave seria comercial.

“Todos os que se inscreveram na rede de embaixadas de Portugal no Brasil constam da lista fornecida pelo Ministério das Relações Exteriores à TAP, que depois irá contactar os que estiverem nessa lista”, disse.

Pela legislação em vigor, os passageiros deste voo devem apresentar comprovante de teste laboratorial (RT-PCR) para teste de infecção por SARS-CoV-2, com resultado negativo, exceto que o embarque será realizado em até 72 horas. Bebês com menos de 24 meses.

Após a entrada na fronteira nacional, devem cumprir o período de isolamento preventivo de 14 dias, quer em casa, quer em local indicado pelos agentes de saúde portugueses.

READ  O vírus Corona entra em erupção no rio Portugal com 35 ...

Segundo Serba Soares, no dia 10 de março, brasileiros ou residentes no Brasil poderão aproveitar este vôo, que sairá de Lisboa e voltará ao Brasil com destino a São Paulo. Para o efeito, os voos podem ser adquiridos no site da TAP ou modificando os bilhetes já adquiridos através da companhia aérea portuguesa.

No dia 27 de janeiro, o governo português suspendeu os voos de e para o Brasil de 29 de janeiro a 14 de fevereiro, operação de “último recurso” que já foi prorrogada e acordada pelo chanceler e chanceler Augusto Santos Silva. Considerando a “situação muito difícil” que Portugal vive em relação à epidemia do Govt-19.

Assim, no dia 17 de fevereiro, Augusto Santos Silva anunciou a deportação dos portugueses do Brasil e a necessidade de regressar a Portugal “por razões humanitárias”.

Porém, nessa situação os portugueses criticaram o governo por reclamar dos preços que o DAP pediu no voo de regresso.

“O que está a acontecer é vergonhoso. O DAP pede 890 euros por cada passagem São Paulo-Lisboa, num avião que vai ser devolvido pelo governo português e declarado avião humanitário”, disse Luca à Lusa, não apenas a um investigador do Departamento de Investigação Criminal de Settler.

Segundo o inspector, “isto é ainda mais embaraçoso porque o dinheiro que o governo paga à TAP é para todos os cidadãos ‘portugueses’.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

guiadigital.info