O congressista republicano votou pelo impeachment de Trump …

Anthony Gonzalez quer mais tempo com sua família e escapar da dinâmica “tóxica” dentro do Partido Republicano.
Foto: AP

Anthony Gonzalez, um dos poucos congressistas republicanos que votou pelo impeachment de Donald Trump em janeiro e chamou o ex-presidente de um “câncer para o país”, não se candidatará à reeleição. Ele se aposentará da política americana no ano que vem para “passar mais tempo com sua família”, mas também deu a entender que não se sente mais confortável no Partido Republicano.

Gonzalez é o primeiro republicano – talvez não o último – a deixar o partido após a votação para impeachment de Trump, de acordo com o New York Times. Depois de invadir o Capitólio em 6 de janeiro, o político de 36 anos e nove outros membros do partido se voltaram contra Trump, provocando reações iradas do ex-presidente.

Trump anunciou que faria campanha contra todos os republicanos que se opusessem a seu impeachment durante a votação. O Partido Republicano continua muito leal ao ex-presidente.

Dinâmica tóxica.

“Desde o momento em que entrei na política, sempre disse que continuarei a fazer este trabalho enquanto minha família for votada”, escreveu Gonzalez em um comunicado na quinta-feira. “Embora meu desejo de construir uma vida familiar esteja no centro desta decisão, também é verdade que o estado atual de nossa política, especialmente a dinâmica tóxica dentro de nosso partido, é uma razão importante para minha decisão.”

READ  Os estudiosos agora podem "apertar as mãos" com o livro | Bíblia Ciência

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

guiadigital.info