Lange Jojo não canta mais, mas “Olé, Olé, Olé” continua: sua música RSCA torna-se um sucesso global | Especial

Lange Jojo – Grand Jojo em francês – era popularmente conhecido na década de 1970 como “Chef, un p’tit noche, on a soif.” Em 1985 escreveu “O Campeão do Anderlecht” (Allez, Allez, Allez, We Are The Champions) como resultado do terceiro título consecutivo.

Um ano depois, ele e o produtor Roland Verlooven adaptaram um pouco a música do clube, quando os Red Devils foram autorizados a ir para o México em 1986: nasceu “E Viva Mexico”. A Bélgica terminou em quarto lugar na Copa do Mundo, e o resto é história. A música da torcida invadiu todos os estádios de futebol do mundo. “Olé, Olé, Olé, We Are The Champions”, você ouve em todos os lugares atualmente.

Lange Jojo era uma torcida fiel do Anderlecht, sempre assistindo, muitas vezes cuidando do aquecimento antes de um jogo importante. Assim, o clube de futebol Anderlecht responde com derrota.

Antigo treinador Michel Verschoren (90): “Esta música ainda é tocada no início de cada partida. Ainda é muito popular. Conheci JoJo melhor em meus 25 anos de carreira no Anderlecht. Ele era realmente um homem do povo e para as pessoas e suas canções eram calorosas e tocantes. “

O próprio cantor dizia regularmente em reportagens (veja abaixo): “Lang Juju não vai ficar, mas ‘Oli, Olly’ com certeza vai!”

READ  Enchimentos de Amy Schumer removidos: 'Ela parecia Malévola' | show biz

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

guiadigital.info