Cúpula do G20 começa com clima e coronavírus na agenda | No exterior

A Cúpula de Líderes do G20 de dois dias começa hoje em Roma. No topo da agenda está o clima, na preparação para a conferência climática COP26 em Glasgow, e a pandemia de coronavírus e suas consequências econômicas. Na abertura da cúpula do G20, o primeiro-ministro italiano, Mario Draghi, disse que os países do G20 devem trabalhar juntos para que 70% da população mundial tenha uma vacina contra a Corona até meados de 2022.




A Cúpula do Clima da ONU começará em Glasgow imediatamente após a reunião do G20. O secretário-geral da ONU, António Guterres, teme que percamos a batalha contra as mudanças climáticas se o G-20 não assumir a responsabilidade. O G20 é formado pelos 19 países mais ricos do mundo e pela União Europeia. Eles são responsáveis ​​pela emissão de cerca de 80% de todos os gases de efeito estufa do mundo.

O primeiro-ministro italiano Draghi indicou que a meta da Organização Mundial da Saúde de vacinar 40% da população mundial até o final de 2021 parece viável, mas os países pobres ainda estão atrasados. Nos países ricos, disse ele, mais de 70% das pessoas foram atingidas por pelo menos uma bala. Cerca de três por cento dos países mais pobres do mundo são vacinados. Draghi chamou essa diferença de “inaceitável” do ponto de vista ético.

Draghi disse que os países deveriam trabalhar mais juntos para enfrentar a crise da Corona e outros problemas internacionais. Antes da cúpula, os ministros das finanças e da saúde dos países do G20 já haviam pedido que mais vacinas fossem enviadas aos países pobres.

Protesto

Na manhã de sábado, a polícia italiana interveio em uma manifestação. Ativistas do clima sentaram-se no meio de uma rua, bloqueando a estrada para o centro de Roma. De acordo com a mídia italiana, os ativistas não ofereceram resistência quando foram levados pela polícia.

READ  Juiz ordena caso em vídeos secretos de mulheres urinando em sites pornográficos | No exterior

Mais duas manifestações foram planejadas para o final do dia. Espera-se que milhares participem.
No sábado, às 11h30, será feita a tradicional foto das lideranças presentes. Meia hora depois, ocorreu a primeira reunião de negócios.

G20

O Grupo dos Vinte inclui as 20 maiores economias do mundo. De acordo com os cientistas, muitos deles ainda fazem muito pouco para controlar o superaquecimento. Austrália, Brasil, China, Índia, Rússia e Arábia Saudita são os que mais se destacam neste campo. A União Europeia também tem assento na mesa do G-20.

Além de líderes de governo e chefes de estado, os ministros das finanças e da saúde participarão da cúpula.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

guiadigital.info