GuiaDigital.info
Produtos & Serviços Ver Categorias Notícias Agenda
   
   Ajuda

 

 

 


Artigos

Câncer de boca

Data:23/10/2006 - 15:26

Cidade:Panambi - RS

O câncer de boca é considerado um dos tumores malignos mais comuns no Brasil e afeta principalmente os homens acima de 45 anos. No entanto, a incidência em mulheres que possuem os hábitos considerados de risco esta aumentando.
 
Segundo estatística do Instituto Nacional de Câncer, a incidência de câncer de boca ocupa o 5º lugar entre o sexo masculino e o 8º entre o sexo feminino. Em 2005 ocorreram 13.470 novos casos de câncer de boca (10.060 casos entre os homens e 3.410 entre as mulheres).
 
O câncer de boca é uma denominação que inclui os cânceres de lábio e de cavidade oral (mucosa da bochecha, gengivas, palato duro, língua, e assoalho de boca). O câncer de lábio é mais freqüente em pessoas brancas, e registra maior ocorrência no lábio inferior em relação ao superior, nestes casos a exposição ao sol é o principal fator, seguido do fumo. O câncer em outras regiões da boca acomete principalmente tabagistas e os riscos aumentam quando o tabagista é também alcoólatra.

- O câncer de boca tem cura?
 
Sim. Se diagnosticado no início e tratado de maneira adequada, o câncer pode ser curado na maioria dos casos. No Brasil, metade deles é diagnosticado tardiamente. A melhor maneira de reverter essa situação é com informação e auto-exame da boca.

- Fatores de risco
 
Os fatores que podem levar ao câncer de boca são: idade superior a 45 anos, vício de fumar cachimbos e cigarros, consumo de álcool, má higiene bucal, uso de próteses dentárias mal-ajustadas (trauma crônico) e história familiar de câncer (hereditariedade).

- Quais os sintomas deste tipo de câncer?
 
Nem sempre é possível visualizar os primeiros sinais que indicam a existência do câncer bucal, o que aumenta a importância das consultas regulares com o dentista. Seu dentista foi preparado para detectar os primeiros sinais do câncer bucal. Contudo, alem das consultas regulares, é preciso que você fale com seu dentista se perceber qualquer dos sinais abaixo:

· Ferida nos lábios ou no interior da boca, que não parece melhorar;
· Caroço ou inchaço na bochecha que você sente ao passar a língua;
· Perda de sensibilidade ou sensação de dormência em qualquer parte da boca;
· Manchas brancas ou vermelhas na gengiva, língua ou qualquer outra parte da boca;
· Dificuldade para mastigar ou para engolir;
· Dor sem razão aparente ou sensação de ter algo preso na garganta;
· Inchaço que impede a adaptação correta de prótese dentárias.
· Mudança na voz e caroços no pescoço são sinais de câncer de boca em estágio avançado.  

- Como Prevenir?

· Deixe de fumar
· Evite bebidas alcoólicas
· Proteja-se dos raios do sol (use chapéu, boné, protetor solar, etc.)
· Tenha uma boa higiene oral
· Elimine fatores traumáticos na boca, como próteses mal adaptadas, restos dentários, carie, etc.
· Alimente-se de maneira saudável
· Execute o auto-exame mensalmente, (examinar todas as regiões da boca em frente ao espelho, procurando qualquer alteração)
· Procure o Cirurgião-Dentista se encontrar qualquer alteração em sua boca
· É bom salientar que o câncer não é contagioso.

- Como se trata o câncer bucal?

Depois do diagnóstico, geralmente feito através de biópsia (remoção de um pequeno fragmento da lesão para exame microscópico) e radiografias para avaliar comprometimento ósseo, uma equipe de especialistas (que inclui um Cirurgião-Dentista) desenvolve um plano de tratamento especial para cada paciente. Quase sempre a cirurgia é indispensável, em seguida de um tratamento de radio ou quimioterapia.

Dr. Fabiano Bertolini
Cirurgião-Dentista
CRO 13855



 

Panambi - Ijuí - Cruz Alta - Santa Bárbara do Sul

Voltar a capa das Notícias

Visitantes:








© Copyright 2017, GDI Multimídia | Proibida sua reprodução total ou parcial